Logo Liga das Noivas
Cantoneira Cantoneira Cantoneira Cantoneira
Siga-nos no Twitter da Liga das noivas Acesse o facebook da Liga das noivas
Boneca Liga das Noivas - Beleza & Fitness

Antes H1Tempo de lasers, ácidos e peelings

acidoToda noiva quer estar linda para o casamento. E assim como acontece com determinadas cirurgias, alguns procedimentos também exigem certa antecedência para serem realizados. Porém, alguns médicos vão além e sugerem que o ideal é que sejam realizados em algumas épocas do ano, como é o caso lasers e aplicação de ácidos nos tratamentos faciais que visam o rejuvenescimento e o clareamento de manchas.  Afinal, além da temperatura mais amena em nossa cidade, o que torna mais agradável o período pós-procedimento, no outono e no inverno não estamos tão expostos ao sol – o que é muito importante para o sucesso dos tratamentos.

“Os pacientes buscam mais por esses procedimentos nesse período do ano. Também é comum aumentar a procura por preenchimento facial com ácido hialurônico”, explica o dermatologista Dr. André Braz, do Rio de Janeiro.

Mas quais seriam esses procedimentos tão procurados por noivas para estarem ainda mais lindas no casamento? O ácido hialurônico, por exemplo, é super procurado. Entretanto, várias pessoas têm dúvidas sobre o que é e como funciona o preenchimento, muito procurado para face e lábios.

É importante lembrar que é o médico que tem que avaliar se o paciente tem indicação ou não, já que algumas pessoas, muitas vezes, procuram por tratamentos que não tenham a ver com o que esperam. “Para garantir um bom resultado , o paciente deve procurar profissionais muito experientes e com senso estético e artístico bem avançado. Além do domínio da técnica e da anatomia, deve avaliar o o uso de produtos de qualidade”, afirma o dermatologista. Em sua clínica, por exemplo, ele recomenda fortemente o uso de material para preenchimento que seja absorvível (ácido hialurônico), pois será muito mais seguro do que os materiais definitivos.

Já os peelings, outro procedimento bastante procurado, promove uma renovação da pele, melhorando textura e brilho, clareando manchas e suavizando rugas finas. “O peeling é um processo que promove a destruição e descamação das camadas superficial, média ou profunda da pele, por meio de substâncias químicas, geralmente; mas, também podem ser realizados mecanicamente com substâncias abrasivas como o peeling de cristal ou dermoabrasão com lixamentos cutâneos. Os peelings promovem uma abrasão e descamação controladas da pele, com boa recuperação e efeitos excelentes e satisfatórios”, afirma o André. Há, também, aqueles peelings que são bastante secativos e antiinflamatórios, muito bem indicados para casos de acne leve a moderada e oleosidade excessiva da pele.

Outra informação importante é sobre o preparo da pele para garantir a penetração do peeling de forma homogênea e também para reduzir os riscos de ocorrer reações de hipo ou hiper-pigmentação pós-inflamatória depois do procedimento. Geralmente, são prescritos cremes à base de ácido retinóico e hidroquinona (potente clareador) para uso domiciliar noturno diariamente, por pelo menos 2 a 3 semanas anteriormente ao peeling. “No caso dos peelings  químicos, primeiro é feita a limpeza da pele do local onde será realizado o procedimento , friccionando-se gaze embebida em álcool ou outra solução  desengordurante e, em seguida, aplica-se a solução química contendo a substância ácida indicada para cada tipo de tratamento”, comenta. E existem, ainda, as novas combinações de peelings  com associações  sinérgicas de ativos, que proporcionam uma eficácia maximizada, destinados a tratar danos leves a moderados, como pele danificada e manchada pelo sol, linhas finas e rugas, cicatrizes de acne e acne. São eles os peelings enzimático e de chocolate.

Já após o procedimento em si, André Braz recomenda aos pacientes uma série de cuidados, como retirar o produto da face com sabonete suave, após o tempo determinado pelo dermatologista; aplicar compressas de chá de camomila gelada com gaze, quatro vezes ao dia ou água termal gelada; usar filtro solar sem álcool pela manhã e reaplicar a cada 2 horas; interromper o uso de ácido e produtos de tratamento em casa, por sete dias. “Após dois dias de procedimento, iniciará uma descamação que pode variar de leve à intensa. Não retire a pele que irá descamar, não se exponha ao sol, e aplique  diariamente cremes hidratantes  e cicatrizantes. E um detalhe: quem tem herpes labial, deve fazer profilaxia para evitar crises de herpes após o procedimento de peeling.”, finaliza o médico.

 

 

Compartilhe:

Deixe seu comentário

Deixe o seu Comentário

Seu email nunca será publicado Campos marcado com * devem ser preenchidos

*
*