Logo Liga das Noivas
Cantoneira Cantoneira Cantoneira Cantoneira
Siga-nos no Twitter da Liga das noivas Acesse o facebook da Liga das noivas
Boneca Liga das Noivas - Agenda

Antes H1Noiva com pele de seda

Pele lisinha, sem pêlos por um longo período e com aspecto de pêssego é um sonho para as mulheres e algo simples que ressalta a feminilidade diante dos olhos masculinos. Então, se você ainda é adepta da velha lâmina, que tal aproveitar a desculpa da proximidade do casamento e escolher um dos métodos de depilação indicados pela dermatologista Miriam Sabino? Veja abaixo os principais e o porquê de usá-los ou não:

– Cera Roll-on (quente): um aparelho esquenta a cera, que é aplicada na área a ser
depilada, e a depiladora a retira com um tecido falso.
A favor: é um método barato e um dos mais higiênicos de fazer depilação. Ele
garante que a cera usada em uma pessoa não será usada em outra

 

 

Contra: por ser difícil controlar a temperatura da cera, é um método perigoso e pode machucar a pele.
Dicas: Existem linhas de cera para peles sensíveis, pêlos grossos e pele normal, peça à sua esteticista que providencie a que for ideal para sua pele.

- Cera de Algas (quente): o método consiste em retirar os pêlos com a própria cera (sem papel). O produto tem propriedades hidratantes das algas marinhas, repondo a umidade de sua pele.
A favor: se for bem feita, não é dolorosa. É antialérgica e pode ser aplicada em grandes extensões.
Contra: pode ser reaproveitada, não sendo muito higiênica. Se tiver varizes evite, pois o calor pode romper os vasinhos.
Dicas: Exija cera nova quando for ao salão. A temperatura é essencial para eficiência deste método, tome muito cuidado com o profissional que fará a depilação para que não ocorram queimaduras.

- Cera fria: a cera é colocada em papel celofane e, logo depois, colada na área a ser depilada. As folhas são usadas ater perderem o poder de puxar os pêlos.
A favor: apresenta resultados mais duradouros e é muito higiênica, porque todo o material é descartável.
Contra: é mais demorada e dolorida.

- Cera egípcia (quente): feita à base de mel, açúcar e limão, a cera é aquecida até o ponto ideal para aplicação com espátula e é retirada com papel depilatório.
A favor: possui componentes naturais e é indicada para peles sensíveis.
Contra: não é indicada quando os pêlos estiverem curtos.
Dicas: Para que o resultado seja satisfatório, a cera precisa ser de boa qualidade e é importante saber como puxá-la corretamente. Não faça sozinha porque ela é uma das mais difíceis de serem puxadas e pode quebrar os pêlos.

- Creme depilatório: os cremes depilatórios agem superficialmente e dissolvem o pêlo. O resultado é semelhante ao da lâmina.
A favor: menos agressivo do que os outros métodos, pois dissolve a proteína que constitui o pêlo sem cortes. Dura até duas vezes mais do que o uso da lâmina. É indolor, o que é positivo para quem é sensível.
Contra: não pode ser utilizado em peles machucadas ou irritadas. É preciso fazer um teste alérgico antes de usar para evitar hipersensibilidade.
Dicas: Retire os pêlos com uma esponja macia para evitar agredir a pele. Caso restem alguns, utilize uma toalha fofa e umedecida para completar a depilação. Existem muitos géis e hidratantes pós-depilação, Vale a pena investir em um hipoalergênico para acalmar a pele.

- Aparelhos eletrônicos (maquininhas de depilação): os pêlos são arrancados com uma máquina que desliza sobre a pele.
A favor: arranca os pêlos pela raiz, por isso dura bastante. Não faz sujeira, já que os pelinhos são sugados pelo aparelho. Não costuma causar alergias e entre os métodos é o mais seguro para peles sensíveis.
Contra: tem um investimento inicial alto, pois os aparelhos costumam ser caros. Só pode ser usado ser houver pilhas ou tomadas por perto, não é uma boa opção para viagens. Dói tanto quanto a depilação com cera.
Dicas: Não dispense o uso de cremes pós-depilatórios para hidratar a pele. Cuidado com possíveis choques, por isso nunca utilize o aparelho com as mãos molhadas. Antes de comprar, pesquise os prós e contras de cada modelo e invista em marcas conhecidas. a resultados mais duradouros e é muito higiênica, porque todo o material é descartável.

- Laser: A onda do laser é atraída pelo pigmento escuro, que age como um condutor, levando o calor até a matriz do pêlo, tendo pouco efeito sobre os fios claros, explica a dermatologista.
A favor: a depilação a laser se consagrou como o mais eficaz protocolo de redução de pêlos. Ela elimina a raiz, o bulbo dos pêlos.
Contra: É o método de depilação mais caro. Os preços variam em função da área e do tipo de pêlo, o que determina o número de sessões.
Dicas: A depilação a laser exige uma certa preparação. Em peles mais morenas, recomenda-se o uso de cremes clareadores para reduzir a possibilidade de manchas. E depois da depilação é muito importante proteger a pele contra o sol, com o uso de um protetor solar.

Compartilhe:

Deixe seu comentário

Comentários (2)

  1. Quem comentou Gabriella:
    25/03/2011 | 19:11

    Muito esclarecedor!! Dicas excelentes!

    • Quem respondeu Palo:
      07/10/2012 | 17:14

      Actually, I’ve never had much faith in movie reviewers, so this sort of thing srtkies me as an improvement:After referring to the first part of the movie as a dork-pandering assault, The Boston Phoenix reviewer goes on to say that Michael Cera’s performance is irritating in part because of the non-stop Pavlovian laugh track provided by the audience at the screening I attended. I’m now pretty sure I want to see that movie. If the reviewer had actually tried to assess the thing on its merits, the useful information content would probably have gone down as he rationalised away the fact that he didn’t get it by talking about how unfunny it was.

Deixe o seu Comentário

Seu email nunca será publicado Campos marcado com * devem ser preenchidos

*
*